Pular para o conteúdo

Primeiro relatório do marco fiscal deve ficar pronto na quarta, diz relator

Prioridade para o governo federal, o novo marco fiscal, que irá substituir o teto de gastos, pode ter o primeiro relatório apresentado na quarta-feira (3). A informação foi confirmada pelo relator, deputado Cláudio Cajado (PP-BA).O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), afirmou publicamente que gostaria de aprovar a âncora fiscal na Casa até dia 10 de maio.“O relatório do novo marco fiscal já está sendo elaborado, estamos avaliando todos os itens, artigos, incisos, para ter um estudo bem amplo, já que esse marco fiscal remete a outras legislações, como a lei de responsabilidade fiscal, a constituição federal, a lei de diretrizes orçamentárias”, afirmou Cajado. O relator já prepara um esboço para ser discutido com as bancadas em reuniões durante a terça (2) e quarta (3) pela manhã. Já estão na agenda encontros com PL, Novo, PDT, PSB, Podemos, Republicanos e oposição.Após essas reuniões, Cajado pretende fechar a primeira versão do relatório – já com reivindicações, críticas e sugestões das bancadas – e apresentar em reunião de líderes na quarta-feira. “Espero que seja a definitiva”, disse o relator, sobre a versão que deve ser fechada nesta semana. Compartilhe: