Pular para o conteúdo

“Pode assumir várias posições no governo”

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, desconversou nesta sexta-feira (5) sobre a possibilidade de seu secretário-executivo no ministério, Gabriel Galípolo, ser indicado como diretor do Banco Central (BC), como mostrou na quinta-feira (4) o Broadcast. Haddad disse, entretanto, que Galípolo “pode assumir várias posições no governo”.“Essas vagas de STF, BC, STJ, de reguladores, não ficamos especulando. Quando acharmos que está madura a decisão, vamos anunciar. É muito ruim ficar especulando, até porque gera desconforto sobre a pessoa que está sendo especulada”, disse o ministro da Fazenda, em entrevista à rádio CBN, em referência ao seu número 2.Na sequência, o ministro elogiou o secretário-executivo. “Galípolo é meu braço direito, meu parceiraço, pode assumir várias posições no governo. É um quadro técnico da melhor qualidade, e político, eu diria”, afirmou. Compartilhe: