Pular para o conteúdo

Bolsas da Ásia fecham em alta, mas Sydney cai após aumento do juro australiano

As bolsas asiáticas fecharam em alta nesta terça-feira (2), com algumas delas voltando do feriado do Dia do Trabalho, mas a de Sydney, a principal da Oceania, caiu após o banco central australiano anunciar uma inesperada elevação de juros.O índice japonês Nikkei subiu 0,12% em Tóquio, a 29.157,95 pontos, ajudado por ações ligadas a eletrônicos, enquanto o Hang Seng avançou 0,20% em Hong Kong, a 19.933,81 pontos, com destaque para a ação do HSBC (+4,45%), banco britânico com foco na Ásia que mais do que triplicou seus lucros no primeiro trimestre. Já o sul-coreano Kospi teve alta de 0,91% em Seul, a 2.524,39 pontos, em seu terceiro pregão consecutivo de ganhos, enquanto o Taiex mostrou avanço de 0,37% em Taiwan, a 15.636,48 pontos.Os mercados chineses permaneceram fechados devido a um feriado de três dias que se estenderá até quarta-feira (3).O apetite por risco predominou na Ásia após reguladores nos EUA assumirem o First Republic Bank e venderem a maior parte de seus ativos ao JPMorgan, ajudando a reduzir tensões no setor bancário americano.As bolsas de Nova York, porém, caíram levemente na segunda-feira, em meio a expectativas de um novo aumento de juros nos EUA nesta semana.Na Oceania, a bolsa australiana sofreu nesta terça a maior perda diária em mais de seis semanas após o RBA, como é conhecido o BC australiano, surpreender os mercados com uma alta de 25 pontos-base em sua principal taxa de juros, a 3,85%.Em abril, o RBA havia mantido seu juro básico. O S&P/ASX 200 caiu 0,92% em Sydney, a 7.267,40 pontos. Compartilhe: